Atividades

A trajetória épica e fabular de um trabalhador

Experiências Estéticas
Cine Debate: Arábia

Voltar para o início Cine Debate: Arábia

Programa

André é um jovem de 18 anos que mora no bairro da Vila Operária, próximo à Fábrica de Alumínio, em Ouro Preto.

Uma vez por semana, sua Tia Márcia, que trabalha no bairro como enfermeira, vai até a casa deles para ajudar com as tarefas domésticas. Um dia, um dos operários da fábrica, chamado Cristiano, um forasteiro com um histórico de confusões na Vila Operária, sofre um acidente.

A Tia de André presta os primeiros socorros na própria rua, e pede a André que vá até a casa dele para buscar seus documentos e algumas roupas. Quando vai até a casa do operário, André acaba encontrando, por acaso, um caderno escrito por ele. A partir daí, o filme se bifurca, e mergulha na história de Cristiano, o operário.

Escrito inicialmente como um exercício para o espetáculo de fim de ano do teatro da fábrica, esse diário acaba revelando a trajetória épica e fabular de um trabalhador, cuja aventura pessoal atravessa a história dos últimos dez anos do país. "Arábia" (2017, 96 min.) foi vencedor do Festival de Brasília 2017 e exibido em mais de 50 festivais ao redor do mundo.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Condições especiais de atendimento, como tradução em libras, devem ser informadas por email ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade.
centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Foto: Divulgação)

Palestrantes

Ismail Xavier

Ismail Xavier

Professor emérito da USP. É membro do conselho da Cinemateca Brasileira e do Conselho Deliberativo da Sociedade Amigos da Cinemateca. Publicou, entre outros, Alegorias do subdesenvolvimento: cinema novo, tropicalismo e cinema marginal (Brasiliense, 1993).
(Foto: Acervo Pessoal)

João Dumans

João Dumans

Diretor e roteirista. Foi roteirista e montador de "A Vizinhança do Tigre", roteirista de "A cidade onde envelheço”, assistente de direção e produtor executivo de "Os Residentes" e diretor do média-metragem documental "Todo mundo tem sua cachaça". É codiretor, com Affonso Uchôa, do longa "Arábia".
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

16/06/2018 a 16/06/2018

Dias e Horários

Sábado, 15h às 18h.

As inscrições podem ser feitas a partir de 24 de maio às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

Grátis