Atividades

Acolhemos indistintamente os imigrantes no nosso país?

Ética no Turismo
Fenômenos Migratórios e Dilemas da Hospitalidade: Cultura Urbana e Turismo

Voltar para o início Fenômenos Migratórios e Dilemas da Hospitalidade: Cultura Urbana e Turismo

Programa

Tratada como o bem receber, reconhece-se a hospitalidade como uma construção humana da relação com o Outro, quer cidadão ou imigrante. A hospitalidade destinada ao imigrante no Brasil é regida por normas e exigências, cuja legislação se aperfeiçoa para evitar o ingresso de indesejáveis e viabilizar, por exemplo, o ingresso de mão de obra qualificada. O atual incremento dos fluxos migratórios Sul-Sul e dos refugiados demanda políticas de hospitalidade, destacando-se a Lei Municipal para População Imigrante, em São Paulo.

Por sua vez, a interação que o imigrante estabelece com a sociedade de acolhimento, a manutenção de seu repertório cultural e dos laços identitários, constituem potenciais repertórios turísticos, ativados como diferenciais de diversos destinos. Diferentes etnias convivem nos bairros paulistanos e esse legado cultural associado à imigração movimenta a atividade turística de determinadas áreas.
 
O módulo contextualiza as políticas públicas para minorias e a estruturação da Lei Municipal para População Imigrante, assim como discute a influência do turismo na preservação e recriação dos atributos do legado imigrante na cidade de São Paulo. 


As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.


Condições especiais de atendimento, como tradução em libras, devem ser informadas por email ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade.
centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600


(Crédito: Divulgação)

Palestrantes

Ana Paula Spolon

Ana Paula Spolon

Pós-doutora em Hospitalidade, doutora em Arquitetura e Urbanismo e Professora do Departamento de Turismo da Universidade Federal Fluminense. 
(Foto: Acervo Pessoal)

Paulo Illes

Paulo Illes

Coordenador executivo do Centro de Direitos Humanos e Cidadania do Imigrante (CDHIC). Ex-coordenador de políticas para migrantes da prefeitura de São Paulo. Membro do Comitê Internacional do Fórum Social Mundial de Migrações.
(Crédito: Acervo Pessoal)

Sênia Bastos

Sênia Bastos

Doutora em História pela PUC/SP, bolsista de produtividade do CNPq, professora do Mestrado em Hospitalidade da Universidade Anhembi Morumbi.
(Crédito: Assessoria de Imprensa do Museu da Inconfidência)




Data

24/05/2018 a 24/05/2018

Dias e Horários

Quinta, das 19h às 21h30.

As inscrições podem ser feitas a partir de 24 de abril às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

Grátis