Atividades

Disco Obaluayê é ponto de partida para esta pesquisa sobre resistência cultural.

Pesquisa em Foco
Obaluayê: Aspectos da Resistência Cultural Afro-brasileira

Voltar para o início Obaluayê: Aspectos da Resistência Cultural Afro-brasileira

Programa

A apresentação da pesquisa se dá a partir da sintetização dos aspectos de resistência cultural a partir de uma contextualização histórica acerca da vinda dos Africanos trazidos na condição de escravos para o Brasil e do aprofundamento contextual do surgimento de movimentos de resistência às manifestações de preconceito em torno dos conteúdos culturais de matrizes africanas. Além disso, nos propomos a apresentar, sumariamente, o panorama e a trajetória da Orquestra Afro-Brasileira desde sua criação em 1942 até o seu término em 1970.

Concomitantemente, procuramos identificar as características da música afro-religiosa através de análise descritiva de duas faixas do disco supracitado e utilizamos como parâmetro os conceitos definidos por Oneyda Alvarenga no livro "Música Popular Brasileira" e Letieres Leite a partir de seu workshop "A matriz africana na música brasileira".

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.


Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade.

centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600


(Foto: Capa do disco Obaluayê, Orquestra Afro Brasileira)

Palestrantes

Jefferson Motta

Jefferson Motta

Violonista, Bacharel em música pela Faculdade Cantareira. Trabalha na organização das coleções que compõe o acervo da Discoteca Oneyda Alvarenga, entre elas, a Coleção Ronoel Simões e é integrante do coletivo Samba de Terreiro de Mauá.
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

23/07/2018 a 23/07/2018

Dias e Horários

Segunda, 19h30 às 21h30.

As inscrições podem ser feitas a partir de 27 de junho às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 4,50 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 7,50 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 15,00 - inteira

Inscreva-se agora