Atividades

ATIVIDADE ADIADA.

Contextos
A arte "socialmente engajada": a produção crítica e curatorial

Voltar para o início A arte "socialmente engajada": a produção crítica e curatorial

Programa

A relação entre arte e política se reconfigura no quadro contemporâneo. O contexto de disparidades sociais vem sendo observado e rebatido por muitos trabalhos artísticos nos dias de hoje. No entanto, alguns desses trabalhos assinalam tamanha aproximação com relação à esfera social e suas práticas, que se torna difícil compreender e delimitar as divisas que separam a arte do seu entorno.

Chegamos ao ponto em que o trabalho artístico pode assumir o mesmo formato que assistências comunitárias, manifestações políticas, pesquisas etnográficas, reparações sociais ou atividades pedagógicas? Como a arte pode contribuir com esses debates?

O campo artístico vem encontrando novas exigências no processo de reconhecer e problematizar as especificidades das linguagens artísticas e suas significações. Enfrenta também novos desafios ao observar as relações que essas intervenções têm estabelecido com o nosso espaço cultural.

Com o intuito de reconhecer as ambivalências que caracterizam essas práticas e de debater esses empasses serão estudados projetos curatoriais emblemáticos que se posicionaram frente a esse dilema. Serão também observados os discursos críticos que circundaram esses projetos. É o caso da Bienal de Berlim de 2012, da Bienal de Havana de 2015 e da próxima Documenta de Kassel. É também o caso de mostras de artistas como Tania Bruguera (Cuba) e Minerva Cuevas (México), apenas para citar alguns exemplos.

Tendo em vista a proliferação do tema, o curso objetiva reconhecer os modos como os discursos críticos, teóricos e curatoriais têm abordado essas práticas colaborativas e os desafios que elas enfrentam.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição. O cadastro é pessoal e intransferível.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Foto: Belen Charpentier)

 

Palestrantes

Paola Fabres

Paola Fabres

Doutoranda em Artes Visuais (ECA-USP) e coordenadora do programa de residência Comunitária (Argentina). Atualmente, atua como crítica e curadora, integra o Grupo de Crítica do Centro Cultural São Paulo, o comitê de Acervo e Curadoria do MAC-RS e é co-editora da revista Arte ConTexto.
(Foto: Acervo Pessoal)

Bibliografia

BISHOP, Claire. The Social Turn: Collaboration and inst discontents. ArtForum, Fevereiro. 178-183, 2006.
______. Artifical Hells. Participatory art and the politics of the spectatorship. Londres: Verso, 2012.
______. Antagonism and Relational Aesthetics. October. N.º 110, 2004, pp. 51-79.
BOURRIAUD, Nicholas. Estética Relacional. Buenos Aires: Adriana Hidalgo Editora, 2007.
GILLICK, Liam. Contingent Factors: A Response to Claire Bishop's "Antagonism and Relational Aesthetics". 2006 October. N.º 115, 2006, pp. 95-107.
FOSTER, Hal. The Return of the real. Londres: The Mit Press, 1999.
KESTER, Grant. Conversation Pieces. Community + Communication in Modern Art. Berkeley: University of California Press, 2004.
______. The One and the Many: Contemporary Collaborative Art in a Global Context. Durham: Duke University Press, 2011.
______. The Device Laid Bare: On Some Limitations in Current Art Criticism. Journal e-flux, n.50, Dez. 2013,
______. Field: A Journal of Socially-engaged Art Criticism, n. 1, 2015
KWON, Miwon. One Place after Another: Site Specific Art and Locational Identity. Cambridge, Mass.: MIT Press, 2004.
LACY, Susan (ed.). Mapping the Terrain: New Genre Public Art. Seattle, Bay Press, 1995.
LADDAGA, Reinaldo. Estética de la Emergencia: la formación de otra cultura de las artes. B.sas: Adriana Hidalgo, 2006.
______. Estética de Laboratório. São Paulo: Martins Fontes, 2013.
LIPPARD, Lucy. The Lure of the Local: Senses of place on a multicentered society. Nova Iorque: New York Press, 1997.
______. Changing: essays in art criticism. Boston: E. P. Dutton, 1971

Data

31/03/2020 a 14/04/2020

Dias e Horários

Terças, 14h às 17h.

As inscrições podem ser feitas a partir de 26 de fevereiro, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 15,00 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 25,00 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 50,00 - inteira