Atividades

A presente palestra utiliza o periodismo para discussão da dicotomia entre música popular e erudita.

Contextos
A Música Vista a Partir da Revista Brasileira de Música

Voltar para o início A Música Vista a Partir da Revista Brasileira de Música

Programa

Os conceitos de música erudita e música popular são usados em nosso tempo de modo acrítico, como categorias acabadas. Ao recorrer ao conteúdo produzido na primeira fase da Revista Brasileira de Música (de 1934 a 1944) pretende-se, ao levantar os assuntos discutidos do período, dar uma perspectiva histórica sobre o processo de criação, naturalização e cristalização desses conceitos.

A base teórica é da História dos Conceitos, formulada por Reinhart Koselleck. Sua obra demonstrou como algumas palavras adquiriram diferentes sentidos e usos a partir de mudanças sociais, intelectuais, tecnológicas e de percepção do tempo.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades.

Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.
Condições especiais de atendimento, como tradução em libras, devem ser informadas por email ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade.
centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Crédito: Divulgação)

Palestrantes

Luis Aranha

Luis Aranha

Compositor e produtor cultural há 20 anos. Mestrando em Ciências Sociais na Unifesp, Bacharel em música pela Unicamp. Pesquisa, no âmbito acadêmico, a dicotomia entre música erudita e música popular no Brasil.

Data

20/06/2018 a 20/06/2018

Dias e Horários

Quarta, das 14h às 17h.

As inscrições podem ser feitas a partir de 24 de maio às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 4,50 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 7,50 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 15,00 - inteira

Inscreva-se agora