Atividades

Curso em quatro aulas aborda a notação musical da idade média

Contextos
A notação do repertório de Notre-Dame e os seus gêneros

Voltar para o início A notação do repertório de Notre-Dame e os seus gêneros

Programa

Provavelmente,  em  torno  da  metade  do  século  XIII  na  região  de  Paris  e arredores,  os  teóricos  e  músicos  começaram  a  empregar  o  termo  "musica mensurabilis"  para  indicar  o  complexo  da  teoria  polifônica  em  voga  e  para caracterizar a composição polivocal mais ornamentada. Este novo termo que  se contrapõe à "musica plana" e que inaugura uma nova fase na teoria da polifonia, quer explicitar a nova modalidade de ensinamento, que apresenta o ritmo e a maneira de notá-lo como aspecto fundamental da escrita musical a duas ou mais vozes.

Programa
16/9
-  Da  monodia  gregoriana:  sobre a  notação  neumática,  o  calendário
litúrgico e sobre os modos eclesiásticos;
-  Escola  de  Notre-Dame:  sobre  o  complexo  Universidade  e Catedral;
fontes  disponíveis  do  Magnus  Liber  Organali  e  sobre  a  sua
organização interna;
-  Sobre as técnicas e procedimentos recomendáveis de transcrição do
repertório modal;

23/9
-  Polifonia: sobre a  técnica discantus;  sobre  o  desenvolvimento  do
organum ao longo da Ars Antiqua;
-  Sobre  os  Modos  Rítmicos  descritos  por  Johannes  de  Garlandia,  e  a
sua notação musical;
-  Sobre a escrita de Leoninus (2 vozes) e Perotinus (3 - 4 vozes, ou a
técnica de discantar);

30/9. gênero sem texto - "sine littera"
-  Organum:  sobre  sua  estrutura  interna  e  notação: organum  purum,
discantus, copula e clausulae; sobre a sua performance em conjunto
com a monodia gregoriana na liturgia;
-  Sobre as clausulae de substituição e o germe do moteto;

7/10. gêneros com texto - "cum littera"
-  Conducti e Motetos: sua função e performance;
-  O  Moteto  enquanto  tropa;  sobre  a  politextualidade;  sobre  a  métrica
poética;
-  sobre  a  deficiência  do  sistema  modal  na  notação  de  gêneros  sem
texto.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Foto: Divulgação)

Palestrantes

Pedro Augusto Diniz

Pedro Augusto Diniz

Mestre pela Staatliche Hochschuleb für Musik, Trossingen em "Teclas Históricas" e em "Música Medieval e Renascentista" na classe de Kees Boeke e Claudia Caffagni.
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

16/09/2019 a 07/10/2019

Dias e Horários

Segundas, 15h às 17h.

As inscrições podem ser feitas a partir de 27 de agosto, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 15,00 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 25,00 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 50,00 - inteira

Inscreva-se agora