Atividades

O curso percorre os principais temas e debates da República brasileira através da música popular

Curso Presencial
A república brasileira através das canções

Voltar para o início A república brasileira através das canções

Programa

O curso irá através das aulas percorrer os principais temas e debates da República brasileira, da República Velha a Ditadura Militar tendo como fio condutor e principal fonte historiográfica canções e discos da música popular.

A partir da escuta dos discos originais, do acervo de colecionadores e pesquisadores serão analisadas as canções e sua relação com o contexto histórico, político, econômico e social do país. Serão abordadas canções de diversos gêneros musicais, satíricas, urbanas, rurais, quadrinhas populares, marchinhas e as canções de protesto. Um ponto central será a importância da música popular no Brasil e como ela pode ser utilizada como possibilidade de pesquisa e ensino em sala de aula.

Aula 1 – A República Oligárquica e o início da indústria fonográfica no Brasil.
A aula irá construir um panorama geral da participação dos militares na República Velha, sua rivalidade com a burguesia cafeicultora, as revoltas e movimentos sociais e o início da indústria fonográfica no Brasil, até os anos 1920 no Brasil, com a atuação do movimento tenentista até a crise da Primeira República.

Aula 2 – Crise na República Velha, Revolução de 1930 e Revolução Constitucionalista de 1932
A aula irá debater os impactos da crise de 1929 e os agentes sociais que participarão da Revolução de 1930 no Brasil. Também será discutido o avanço da indústria fonográfica, a criação de gravadoras e o início da gravação elétrica no Brasil.
Também será abordada a oposição varguista nos anos 1930 no país: A Revolução Constitucionalista de 1932 e o Levante Comunista de 1935 a partir de discos de pequenas gravadoras produzidos no período.

Aula 3  – A ditadura varguista – O Estado Novo
A aula irá analisar a entrada do samba na indústria fonográfica e a atuação do Estado Novo através dos órgãos de censura, da expansão do rádio no país e da oficialização do carnaval em transformar a canção popular em um instrumento de propaganda política.

Aula 4 – A República de 1945 – Do retorno democrático ao golpe militar
A aula irá debater o Brasil do pós-guerra até a metade dos anos 1950 com o suicídio de Vargas e as transformações sociais, urbanas e políticas que viviam São Paulo e Rio de Janeiro no período. Também irá percorrer os governos de JK, Jânio Quadros e João Goulart e as transformações culturais, sociais e políticas no país que culminarão no golpe militar em 1964.

Aula 5 – O Golpe de 1964 e a Ditadura Militar
A aula irá analisar as mudanças estruturais na sociedade brasileira após a instauração da Ditadura Militar, principalmente nos governos Castelo Branco e Costa e Silva, o início da popularização da TV no Brasil e o surgimento da chamada MPB e suas consequências para a cultura brasileira. Também será discutida a importância dos festivais da canção para a cultura brasileira e através das canções será analisado o panorama histórico e político dos anos 1970 no Brasil até a abertura política ocorrida no final dos anos 1970 com a anistia e no início dos anos 1980 que culminaram com o fim da ditadura em 1985.

As inscrições podem ser feitas a partir das 14h do dia 28/3 no site do Centro de Pesquisa e Formação  do Sesc, através do app ou presencialmente em qualquer unidade do Sesc São Paulo. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição. O cadastro é pessoal e intransferível.

O pagamento pode ser feito através do cartão de crédito, débito ou em dinheiro. Trabalhamos com as bandeiras Visa, Mastercard, Elo e Hipercard.

Ao término do curso, você poderá solicitar sua declaração de participação pelo e-mail declaracao.cpf@sescsp.org.br
A declaração será encaminhada em até 30 dias

O cancelamento poderá ser realizado com até 48 horas antes do início da atividade, por email: centrodepesquisa.cpf@sescsp.org.br

(Foto: Edilson Rodrigues - Agência Senado)

Palestrantes

Bruno Sanches Baronetti

Bruno Sanches Baronetti

Doutor em História Social (USP) e pesquisador da cultura popular brasileira. Autor dos livros Transformações na Avenida. História das Escolas de Samba na cidade de São Paulo (1968-1996) e o Cardeal do Samba. Memórias de seu Carlão do Peruche, ambos pela LiberArs.
(Foto: Acervo Pessoal)

Gilberto Inácio Gonçalves

Gilberto Inácio Gonçalves


Pesquisador da música brasileira e colecionador de discos de 78 rpm. Promoveu diversos cursos e encontros para debater a música brasileira das primeiras décadas do século XX.
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

10/04/2024 a 15/05/2024

Dias e Horários

Quartas, 19h às 21h.

*Exceto dia 1/5.

Curso Presencial

Inscrições a partir das 14h do dia 28/3, até o dia 10/4.
Enquanto houver vagas.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 15,00 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 25,00 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 50,00 - inteira

Inscreva-se agora