Atividades

Circuito Sesc de Artes: atividades formativas no campo da gestão cultural

Circuito Sesc de Artes
Diálogos sobre Gestão Cultural 2022

Voltar para o início Diálogos sobre Gestão Cultural 2022

Programa

O Circuito Sesc de Artes acontece em parceria com prefeituras municipais e sindicatos do comércio locais. Diálogos sobre Gestão Cultural é uma das programações do Circuito e propõem três rodas de conversas entre especialistas no campo da gestão cultural.

Dia 3/8 – 16h às 18h
Pensar o Futuro das Artes e da Cultura: o papel dos municípios
Refletir sobre as potencialidades dos municípios no campo da cultura: geração de renda e mobilização social. Indicar como as políticas podem assumir um compromisso com o aspecto econômico da cultura, considerando as desigualdades sociais e econômicas e os impactos no desenvolvimento dos municípios. Refletir, ainda sobre as diferenças em relação às desigualdades de oportunidades que inibem o crescimento de pessoas, grupos ou comunidades e que podem ser mitigadas pelo acesso à cultura.
Com Silvana Lumachi Meireles, Antonio Albino Canelas Rubim e Isaura Botelho.
Mediação Dulci Lima.


Dia 4/8 – 16h às 18h
Por uma Gestão Cultural Plural
Um país como o Brasil é um território formado por diferentes matrizes cultuais e especificidades de contextos. É composto por muitas diferenças e desigualdades. Considerando esses aspectos, é necessário instituir políticas que reflitam as realidades locais, os diversos modos de produção de cultura e as singularidades de grupos sociais. Como as políticas culturais dos municípios podem contribuir para o acesso aos bens, produtos e serviços culturais de forma equitativa?
Com Rosane Borges, Renan Quinalha e Danilo Junior de Oliveira.

Mediação Danilo Cymrot.

Dia 5/8 – 16h às 18h
Reconhecer os territórios como lugares de construção da Cidadania Cultural.
Refletir sobre o exercício de elaboração de políticas culturais participativas, que considere a atuação compartilhada entre poder público e sociedade. Apontar caminhos para a promoção do encontro entre as diferentes visões dos agentes da ação cultural. Apresentação de experiências no campo da gestão cultural.

Grupo Andaime – Piracicaba – O Grupo Andaime foi criado em 1986, dentro da Universidade Metodista de Piracicaba – UNIMEP. Atualmente, o Território Andaime está instalado no Ponto de Cultura Garapa. Os fundadores do grupo são figuras muito atuantes e fortes das lutas por políticas públicas para o interior.
Com Antonio Chapéu e Cleiton Pereira.

A Casa de Cultura Fazenda Roseira é uma Instituição instalada na Casa Sede da antiga Fazenda Roseira, no Jardim Roseira. A casa, construída a partir do final do século XIX, de pau a pique (taipa) e tijolos, foi reformada em 1920. Tem como objetivos fomentar o ensino, a pesquisa, o desenvolvimento técnico, científico e institucional, intercâmbio e demais ações e projetos voltados à recuperação e preservação do patrimônio, da memória e da cultura afro-brasileira.
Com Alessandra Ribeiro.

Contribuinte da Cultura. Criado em 1999 pela produtora Fátima Camargo tornou-se em 2003 projeto de extensão da Universidade Federal de São Carlos. A adesão de pessoas físicas e jurídicas tornou a infraestrutura do projeto sustentável e possibilitou a manutenção deste programa para a cidade de São Carlos. Em dezembro o encerramento da programação é marcado pelo Festival ChorandoSemParar, um dos maiores encontros de instrumentistas brasileiros e estrangeiros. Em agosto de 202 o projeto Contribuinte da Cultura originou o Instituto Mário de Andrade (IMA).
Com Fátima Camargo.

A Fazenda Serrinha realiza e fomenta há mais de 20 anos um conjunto de iniciativas em arte e educação que envolve livre criação, pesquisa e experimentação, difusão de conteúdos e oferta de experiências que priorizam as relações humanas e a reflexão. Em 2022 vai realizar o 20º Festival Arte Serrinha que possui como ponto de partida a diversidade, a cultura plural, florestas e a maior biodiversidade do planeta.
Com Fábio Delduque.

Mediação Edson Martins.

Obs: O participante precisa ter celular e computador e conhecer os princípios básicos para uso desses equipamentos. Após a conclusão da sua inscrição on-line na atividade e/ ou curso, você receberá por e-mail um link de acesso à Plataforma onde será realizada a atividade e/ou curso, com até 1 (um) dia de antecedência da data de início. O acesso também poderá ser realizado através do web navegador de sua preferência.

Os encontros em ambiente on-line não são gravados, não sendo disponibilizados seus registros para posterior visualização.

As inscrições podem ser feitas a partir das 14h do dia 28/7 no site do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc ou presencialmente em qualquer unidade do Sesc São Paulo. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição. O cadastro é pessoal e intransferível.

O pagamento dever ser feito através do cartão de crédito, e trabalhamos com as bandeiras Visa, Mastercard, Elo e Hipercard.

*Este curso será 100% on-line. Ao término do curso, você poderá solicitar sua declaração de participação pelo e-mail declaracao.cpf@sescsp.org.br
A declaração será encaminhada em até 30 dias

**Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, faça a solicitação pelo e-mail centrodepesquisa.cpf@sescsp.org.br, justamente após a conclusão e efetivação do pagamento de sua inscrição, e com pelo menos 48 horas de antecedência do início da atividade.

O cancelamento poderá ser realizado com até 48 horas antes do início da atividade. Encaminhar e-mail para centrodepesquisa.cpf@sescsp.org.br e solicitar o cancelamento

Palestrantes

Fátima Camargo

Fátima Camargo

Graduada em Letras e pós-graduada em Semiótica pela Unesp. Atua como pesquisadora, roteirista e produtora cultural, é diretora do Projeto Contribuinte da Cultura.
(Foto: Fernando Catalano)

Renan Quinalha

Renan Quinalha

Professor de Direito (Instituições Judiciais e Cidadania) da Escola Paulista de Política, Economia e Negócios da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Coordenador Adjunto do NúcleoTrans da Unifesp (2021 - 2023).
(Foto: Acervo Pessoal)

Danilo Cymrot

Danilo Cymrot

Doutor em Direito pela Universidade de São Paulo e pesquisador do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc São Paulo.
(Foto: Paulo Rapoport)

Cleiton Pereira

Cleiton Pereira

Diretor, ator, gestor cultural e pesquisador da antropologia teatral. Autor do livro "Antes que a margem vire beira". Co-criador  dos Festivais "E(s/x)tirpe Encontro para Celebração e Rito", "Ciranda - encontro de aprendizes" e do "Intercâmbio Internacional Ofício e Raízes". Integra redes Latino-americanas de Teatro e desenvolve processos de formação artística.
(Foto: Arquivo Pessoal)

Alessandra Ribeiro

Alessandra Ribeiro

Historiadora e doutora em urbanismo pela PUC de Campinas. É gestora cultural da Casa de Cultura Fazenda Roseira, mestre da comunidade Jongo Dito Ribeiro e mãe de santo umbandista no Centro de Estudos de Matriz Africana - CEMA.
(Foto: Ricardo Lima)

Rosane Borges

Rosane Borges

Mestra e doutora em Ciências da Comunicação pela ECA-USP, pós-doutoranda pela mesma Universidade, professora do curso de especialização do Celacc (Centro de Estudos Latino-Americanos sobre Cultura e Comunicação) da USP, integrante da Cojira-SP (Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial).
(Foto: Acervo Pessoal)

Isaura Botelho

Isaura Botelho

Doutora em Ação Cultural pela Eca/USP, com pós-doutorado na França em pesquisas socioeconômicas na área da cultura. Gestora cultural desde 1978 é especializada em planejamento e formulação de políticas públicas, trabalhando junto à Funarte, à Biblioteca Nacional e ao Ministério da Cultura. Atualmente é consultora do Sesc São Paulo.
(Foto: Acervo Pessoal)

Danilo Júnior de Oliveira

Danilo Júnior de Oliveira

Doutor na área de Direitos Humanos pela Faculdade de Direito da USP. Pesquisador e docente na pós-graduação lato sensu em Gestão de Projetos Culturais no CELACC/USP. Professor nos cursos de Direito da Universidade Ibirapuera (Unib) e Unidrummond. Pesquisador colaborador do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap).
(Foto:
Guilherme Lima)

Dulci Lima

Dulci Lima

Doutora em Ciências Humanas e Sociais pela UFABC, mestra em Educação, Arte e História da Cultura pelo Mackenzie e bacharel em História pela FFLCH-USP. Pesquisadora do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc São Paulo.
(Foto: Acervo Pessoal)

Edson Martins Moraes

Edson Martins Moraes

Bibliotecário pela FESP, pedagogo pela UNIFIEO, mestre e Artes Visuais pela Unesp e mestre em Educação - Currículo pela PUC/SP. Compõe a equipe do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc São Paulo.
(Foto: Acervo Pessoal)

Silvana Lumachi Meireles

Silvana Lumachi Meireles

Servidora da Fundação Joaquim Nabuco/ MEC, especialista em Políticas Culturais. Entre os anos de 2003 a 2011 trabalhou no Ministério da Cultura. Quando Secretária Nacional de Articulação Institucional foi responsável pela implementação do Sistema Nacional de Cultura, pela coordenação geral da II Conferência Nacional de Cultura e pelo programa Mais Cultura. Entre 2015 e 2022 esteve à frente da Secretaria Executiva de Cultura de Pernambuco.
(Foto: Acervo Pessoal)

Antonio Chapéu

Antonio Chapéu

Coordenador dos grupos de teatro da Unimep, integrando elenco da peça.
(Foto: Sol Barreto)

Fábio Delduque

Fábio Delduque

Curador, diretor artístico e um dos idealizadores do Festival Arte Serrinha que em 2021 completou 20 anos.
(Foto: Victor Affaro)

Data

03/08/2022 a 05/08/2022

Dias e Horários

Quarta a Sexta, 16h às 18h.

Curso On-line

Local

Plataforma Zoom

Valores

Grátis