Atividades

Gestão de Espaços Culturais

Gestão Cultural
Gestão de Espaços Culturais. Contadores de Mentira

Voltar para o início Gestão de Espaços Culturais. Contadores de Mentira

Programa

O Teatro Contadores de Mentira existe desde 2012 e é a casa física do grupo Contadores de Mentira que tem 24 anos de caminhada. A sede surgiu da necessidade do grupo de ampliar seus projetos e sonhos. Desde sua fundação o grupo sempre esteve na cidade de Suzano, resistindo ao êxodo para a capital, acreditando que ali, mesmo às margens, era possível criar uma história sólida de buscas e pesquisas artísticas. Economicamente sempre foi um desafio se manter produzindo, já que os investimentos em cultura em geral estão concentrados nos grandes centros.

Os Contadores de Mentira fazem parte da história cultural do Alto Tietê, sendo um dos grupos mais antigos influenciou muito na construção do imaginário cultural e também na estima de outros fazedores que hoje também  firmaram na região sua história.

Em 2012 quando o grupo tomou a decisão de alugar um galpão tudo que o movia era a crença de que o que faziam era importante para a cidade e para a materialização de tantos projetos em curso.

O grupo não possuía nenhum tipo de subsídio financeiro e a decisão de investir R$3000,00 por mês (na época) foi tão assustadora quanto audaciosa! Todo o tipo de ação foi feita para manter a sede viva. E isso aconteceu até 2018. Nesses 6 anos o grupo recebeu na sede 302 coletivos artísticos de muitas partes do Brasil e dos 5 continentes. Três festivais foram criados, reunindo mais de 70 grupos. Intercâmbios nacionais e internacionais.

Projetos de formação artística e cidadã. Diversas rodas de discussão, saraus, ritos, trocas artísticas, lançamentos de livros. Parcerias com projetos de outras áreas, como literatura, cultura popular, música, tradições afro-brasileiras, e tantos mais.

Em julho de 2018 o grupo anunciou a decisão de fechar suas portas e ocupar um terreno público. Desde 2016 o grupo lutava e buscava soluções junto ao poder público para seguirem suas atividades em um espaço sem aluguel.

Em agosto de 2018 realizaram num terreno público a III Edição do Festival "E(s/x)tirpe - encontro para celebração e rito", onde reuniu mais de 20 grupos e fincou seus pés. Ainda durante o Festival conquistaram a cessão da área para ali construírem sua sede. Desde então o grupo mergulhou na empreitada de levantar a nova casa.

A construção segue à passos não tão rápidos, devido às dificuldades financeiras para tal realização. O grupo fez campanhas e também contou com apoio de grupos parceiros, além das economias feitas durante anos para a tão sonhada casa.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Foto: Arnaldo dos Anjos)

Palestrantes

Daniele Santana

Daniele Santana

Atriz, integrante do grupo Contadores de Mentira há 14 anos. Pesquisadora do conceito "Ator/atriz - brincante", criadora dos projetos" Palco e Pátio - vivências artística e cidadãs nas escolas; "Ventre em teia - encontro de mulheres da cena", e da revista MORUPI. É gestora cultural e arte-educadora. Editora do jornal alternativo "Do outro lado da linha". E integrante do projeto The Magdalena Project - Rede Internacional de Mulheres no Teatro Contemporâneo.
(Foto: Cleiton Pereira)

Cleiton Pereira

Cleiton Pereira

Diretor e ator e fundador do grupo Contadores de Mentira. É gestor cultural e pesquisador da Antropologia Teatral. Produtor do Festival "E(s/x)tirpe Encontro para Celebração e Rito", "Ciranda - encontro de aprendizes" e do "Intercâmbio Internacional Ofício e Raízes". Integra redes Latino-americanas de Teatro e desenvolve processos de formação artística.
(Foto: Kaique Costa)

Data

30/09/2019 a 30/09/2019

Dias e Horários

Segunda, 19h30 às 21h30.

As inscrições podem ser feitas a partir de 27 de agosto, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 4,50 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 7,50 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 15,00 - inteira

Inscreva-se agora