Atividades

ATIVIDADE ADIADA.

Contextos
Habitar Fronteiras - Espaços de convivência, práticas colaborativas e outras artes da produção do comum

Voltar para o início Habitar Fronteiras - Espaços de convivência, práticas colaborativas e outras artes da produção do comum

Programa

Ciclo de encontros que pretendem explorar novas possibilidades de se pensar a produção de saúde no contemporâneo, reconhecendo as fronteiras entre saúde, arte e cultura como um território híbrido e habitado por conhecimentos e práticas singulares que se oferecem como um território de estudo e pesquisa.

31/3- Saúde e Territórios do Comum - "Espaços de convivência, práticas colaborativas e outras artes da produção do comum".

Quando as fronteiras entre os territórios da saúde, da arte e da cultura são abertas, o que se descobre é um território comum, que pode ser dito um território do comum. Retirem-se as fronteiras e se terá uma outra paisagem desses territórios compartilhados, povoados por ideias, conceitos, linguagens, ferramentas e objetos, cujo potencial para ampliar nossa compreensão a respeito dos processos envolvidos na produção de saúde ainda permanece timidamente explorado.

Daí a presente proposta de uma incursão em profundidade por esses territórios comuns, a partir de experiências e experimentações concretas, com vistas a um melhor entendimento de como nelas se dão os processos de produção de saúde. Em especial, percebendo sua estreita relação com os processos de produção do comum, isto é, com os processos de produção de relações de composição e potência coletiva, de uma vida comum e compartilhada. Interessa-nos, nesse mergulho, compreender melhor não apenas as relações intrínsecas entre produção de comum (ou de "comunidade") e saúde, mas o papel decisivo desempenhado pelos "meios" dessa produção; ou seja: compreender melhor o modo como diferentes "meios" participam dessa produção examinando suas especificidades, sejam elas a de propiciar espaços de encontro e convivência, sejam elas a de ativar diferentes práticas comunicacionais e colaborativas.

Em suma, interessa-nos uma compreensão em profundidade do papel condicionante dos artifícios criados e o reconhecimento de toda uma arte da produção do comum.

Com Sabrina Ferigato, Adriana Marcondes Machado e Marcia Moraes.
Mediação: Flávia Liberman.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição. O cadastro é pessoal e intransferível.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Foto: Giuliano Martins)

Palestrantes

Sabrina Ferigato

Sabrina Ferigato

Terapeuta ocupacional com doutorado em Saúde Coletiva pela UNICAMP, docente do Departamento de Terapia Ocupacional da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).
(Foto: Acervo Pessoal)

Adriana Marcondes Machado

Adriana Marcondes Machado

Psicóloga, docente do Departamento da Aprendizagem, do Desenvolvimento e da Personalidade do Instituto de Psicologia da USP.
(Foto:Acervo Pessoal)

Marcia Moraes

Marcia Moraes

Psicóloga e pedagoga, mestranda do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências da Saúde da UNIFESP, Baixada Santista.
(Foto: Acervo Pessoal)

Flávia Liberman

Flávia Liberman

Terapêuta ocupacional, docente da UNIFESP, Baixada Santista. 
(Foto: João Caldas Filho)

Data

31/03/2020 a 31/03/2020

Dias e Horários

Terça, 19h às 21h30.

As inscrições podem ser feitas a partir de 26 de fevereiro, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 4,50 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 7,50 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 15,00 - inteira