Atividades

Com Angela Figueiredo, Conceição Evaristo e Raquel Barreto

Cursos On-Line
Introdução ao Pensamento de Angela Davis

Voltar para o início Introdução ao Pensamento de Angela Davis

Programa

Comunista, abolicionista, internacionalista, antirracista, feminista, revolucionária. Este curso é dedicado à introdução ao pensamento de Angela Davis, referência mundial na luta pela construção de um mundo sem opressões.

Ao longo de quatro encontros, serão abordadas os diversos aspectos de vida e obra de Davis, passando pelos livros Uma autobiografia, Mulheres, raça e classe, Mulheres cultura e política e A liberdade é uma luta constante.

O curso é promovido em parceria entre o Centro de Pesquisa e Formação do Sesc e a Boitempo, responsável pela edição das obras de Davis no Brasil, e tem o objetivo de promover reflexões sobre as novas configurações do pensamento feminista na atualidade no contexto nacional e mundial, tendo em vista a luta que as mulheres negras têm constituído como base fundamental para os movimentos de liberdade e resistência.

16/11 | Aula 1 – Uma autobiografia
Com Raquel Barreto.
Mediação: Anne Quiangala.

18/11 | Aula 2 – A liberdade é uma luta constante
Com Angela Figueiredo.
Mediação: Luiza Braga.

23/11 | Aula 3 – Mulheres, cultura e política
Com Conceição Evaristo.
Mediação: Juliana Borges.

25/11 | Aula 4 – Mulheres, raça e classe
Com Raquel Barreto.
Mediação: Camilla Dias.

Obs: O participante precisa ter celular e computador e conhecer os princípios básicos para uso desses equipamentos. Após a conclusão da sua inscrição on-line na atividade e/ ou curso, você receberá por e-mail um link de acesso à Plataforma Microsoft Teams, onde será realizada a atividade e/ou curso, com até 1 (um) dia de antecedência da data de início. O acesso também poderá ser realizado através do web navegador de sua preferência.

As inscrições podem ser feitas a partir das 14h do dia 28/10, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição. O cadastro é pessoal e intransferível.

O pagamento dever ser feito através do cartão de crédito, e trabalhamos com as bandeiras Visa, Mastercard, Elo e Hipercard.


*Este curso será 100% Online. Após o encerramento, será possível solicitar sua declaração de participação, enviando um email para declaração.cpf@sescsp.org.br

Palestrantes

Conceição Evaristo

Conceição Evaristo

Escritora. Ficcionista e ensaísta. Mestre em Literatura Brasileira pela PUC/Rio, Doutora em Literatura Comparada pela UFF. Sua primeira publicação (1990) foi na série Cadernos Negros do grupo Quilombhoje. 7 livros publicados, entre eles o vencedor do Jabuti, Olhos D’água (2015), 5 deles traduzidos para o inglês, o francês, espanhol e árabe. Prêmio do Governo de Minas Gerais pelo conjunto de sua obra; Prêmio Nicolás Guillén de Literatura pela Caribbean Philosophical Association;  Prêmio Mestra das Periferias pelo Instituto Maria e João Aleixo (tudo isso em 2018!).  Escritora homenageada em diversas Feiras Literárias, a mãe de Ainá – sua especial menina – em 2019, teve 3 de seus 7 livros, aprovados no PNLD Nacional e também foi a escritora Homenageada da Olimpíada de Língua Portuguesa pelo Itaú Social. Ainda no mesmo ano lançou seu “Poemas da Recordação e Outros Movimentos” em edição bilíngue (Português/Francês) no Salão do Livro de Paris. Foi homenageada pelo Prêmio Jabuti ainda em 2019 como personalidade literária.
(Foto: Aline Macedo)

Ângela Figueiredo

Ângela Figueiredo

Professora e pesquisadora do Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais da UFRB, coordenadora do Coletivo Angela Davis, um grupo de pesquisa ativista nas áreas de gênero, raça e subalternidade e coordenadora da primeira Escola Internacional Feminista Negra Decolonial. Foi curadora da exposição Global African Hair que ocorreu no Centro Cultural da Caixa Econômica Federal em Salvador (2012) e é autora da introdução do livro "Liberdade é uma luta constante" e de vários artigos sobre o feminismo negro, incluindo "Carta de uma ex-mulata à Judith Butler". Suas últimas publicações foram: "Epistemologia Insubmissa, negra decolonial" e "Trinta razões para enegrecer e feminilizar seu voto".
(Foto: Acervo Pessoal)

Juliana Borges

Juliana Borges

Escritora e estuda Política Criminal. É consultora do Núcleo de Enfrentamento, monitoramento e memória de combate à violência da OAB-SP e conselheira da Iniciativa Negra por uma Nova Política sobre Drogas. Colunista da Revista Claudia. Autora dos livros “Encarceramento em massa” (Jandaíra) e “Prisões: espelhos de nós” (Todavia).
(Foto: Acervo Pessoal)

Luiza Braga

Luiza Braga

Co-candidata a Vereadora pela Nós Mandata - Popular e Coletiva. É Artista, Produtora Cultural no Coletivo Quizomba, Podcaster no Lado Black, Batuqueira de Maracatu, Sambista e militante do Movimento Cultural e Feminista. Durante o período de 2016 a 2019 foi Conselheira de Cultura da setorial de Tradições Populares, sendo Presidenta do Conselho na gestão de 2017-2019.

(Foto: Acervo Pessoal)

Raquel Barreto

Raquel Barreto

Historiadora e pesquisadora. Em 2005, escreveu a dissertação "Enegrecendo o Feminismo ou Feminizando a raça: Narrativas de Libertação em Angela Davis e Lélia Gonzaléz", o primeiro estudo realizado no país sobre as duas autoras. Participou do projeto coletivo de publicação independente dos livros de Lélia González (seu primeiro livro póstumo autoral – Primavera para as Rosas Negras)  e da  historiadora Beatriz Nascimento, produzidos pela UCPA, em 2018. Prefaciou a edição brasileira do livro Angela Davis, uma autobiografia (Boitempo) e dividiu mesas com a própria Angela Davis e Patricia Hill Collins, em 2019. Atualmente, cursa o doutorado em história e realiza pesquisa sobre O Partido dos Panteras Negras e as relações entre visualidade, política e poder (1966-1974). É a co-curadora da exposição da Carolina Maria de Jesus, um Brasil para os brasileiros,  que acontecerá no Instituto Moreira Salles, em São Paulo, em 2021.
(Foto: Branca Mattos)

Anne Quiangala

Anne Quiangala

Idealizadora do Preta, Nerd & Burning Hell – um blog sobre #nerdiandade Preta e Feminista (2014 até o presente) e uma das poucas fãs da série Birds of Prey, só tem itens da DC, mas é marvete. Mestra em literatura pela UnB, doutoranda em estudos do horror negro, estuda o discurso do horror escritos por mulheres negras.
(Foto: Caroline Lima)

Camilla Dias

Camilla Dias

Assistente Social de formação, pós-graduada em Docência em Literatura e Humanidades, Mediadora de leitura. Produtora de conteúdo independente na rede social Instagram @camillaeseuslivros desde 2015. Atualmente é Mediadora em um dos coletivos "Leia Mulheres" na cidade de Santo André/SP, no "Projeto Livro Livre" voltado para formação do leitor literário e no projeto "Leituras Decoloniais".
(Foto: Acervo Pessoal)


Data

16/11/2020 a 25/11/2020

Dias e Horários

Segundas e Quartas, 16h às 18h.

Curso 100% online

Inscrições a partir das 14h do dia 28/10

Local

Em Casa

Valores

R$ 21,00 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 35,00 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 70,00 - inteira