Atividades

As políticas públicas e a demanda por uma administração pública mais transparente e eficaz

Contextos
Jornadas CEBRAP: Políticas Públicas: análise e tendências inovadoras

Voltar para o início Jornadas CEBRAP:  Políticas Públicas: análise e tendências inovadoras

Programa

Pobreza e desigualdade, desenvolvimento urbano, inclusão produtiva são exemplos de temas complexos, multidimensionais e multideterminados da agenda pública. É tarefa da análise de políticas públicas, entender como e por que tais temas passam a ser objeto de atenção governamental, e se são de fato transformados em políticas específicas, que são implementadas e, eventualmente, avaliadas.

Tudo isso considerando que a produção de políticas é um processo sem fases claramente delimitadas, conflitivo e por vezes caótico, pautado por decisões e não decisões, sendo disputado por atores estatais e não estatais em arenas formais e informais.
Há também os novos modelos, baseados em inovação aberta, co-criação de políticas e abertura de dados.

Assistimos o surgimento de laboratórios para testar, experimentar e fomentar diálogos com diferentes públicos, dentro e fora da gestão pública. No entanto, há grande dificuldade em definir melhores práticas de inovação, dar escala a pequenos experimentos, gerar mudanças sustentáveis nas culturas organizacionais e avaliar processos e resultados de iniciativas inovadoras.

Esses desafios trazem tópicos de pesquisa relevantes, como questionar os pressupostos dos discursos e das práticas inovadoras ou refletir sobre conteúdos e modelos de formação de quadros para o setor público. Ou seja, há muito potencial em aprofundar o desafiador diálogo entre a prática pública e a academia.

Este debate busca apresentar tópicos do debate brasileiro recente no campo da análise de políticas públicas e discutir como a demanda por uma administração pública mais transparente, eficaz e próxima ao cidadão tem levado a novos modelos de gestão.

Este encontro faz parte de uma série de seis debates, pensando em uma agenda de pesquisa para o futuro, e que marcam os 50 anos do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento - CEBRAP.

Com Renata Bichir e Fernando Nogueira.
Mediação: Maira Rodrigues.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Arte: Divulgação CEBRAP)

Palestrantes

Renata Bichir

Renata Bichir

Doutora em Ciência Política pelo IESP-UERJ (2011), professora nos cursos de graduação e pós-graduação em Gestão de Políticas Públicas da EACH/USP, da pós-graduação em Ciência Política (DCP/USP), e pesquisadora do Centro de Estudos da Metrópole (CEM/CEPID-Fapesp).
(Foto: Acervo Pessoal)

Fernando Nogueira

Fernando Nogueira

Coordenador do Mobilab+ [Laboratório para uma SP mais inteligente], da Secretaria de Inovação e Tecnologia da Prefeitura de São Paulo. É professor na FGV-SP, onde fez mestrado e doutorado em Administração Pública e Governo.
(Foto: Acervo Pessoal)

Maira Rodrigues

Maira Rodrigues

Doutora em Ciência Política pela USP e pesquisadora do Núcleo Democracia e Ação Coletiva do CEBRAP. Trabalha com pesquisas e consultorias nas áreas de políticas públicas, governança, políticas ambientais, interação sociedade-Estado, participação social, ação coletiva e Análise de Redes Sociais.
(Foto: Site Cebrap)

Data

26/09/2019 a 26/09/2019

Dias e Horários

Quinta, 19h30 às 21h30.

As inscrições podem ser feitas a partir de 27 de agosto, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 4,50 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 7,50 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 15,00 - inteira