Atividades

Com Heloisa Starling, Miguel Lago e Newton Bignotto

Curso Presencial
LINGUAGEM DA DESTRUIÇÃO. A Democracia Brasileira em Crise

Voltar para o início LINGUAGEM DA DESTRUIÇÃO. A Democracia Brasileira em Crise

Programa

Partilhando a ideia de que o plano de poder de Bolsonaro é pautado pela destruição, Heloisa Starling, Miguel Lago e Newton Bignotto investigam, cada qual sob uma perspectiva, mas em constante diálogo, a atuação do bolsonarismo e seus efeitos para a democracia. O ensaio de Starling aborda o agudo reacionarismo do grupo político no poder, procurando compreender sua constituição histórica e antecedentes. Lago trata da resiliência de Bolsonaro a partir das armadilhas de seu discurso, considerando a dificuldade de se estabelecer uma oposição eficaz e os impactos da hiperconectividade e do neopentecostalismo para sua ação política. Já o capítulo de Bignotto é uma reflexão sobre os conceitos da teoria política empregados para definir o bolsonarismo e seus matizes ideológicos.

Ao escrutinar os elementos que constituem a visão de mundo comungada pelos apoiadores de Bolsonaro, os autores combatem a cegueira analítica e descortinam os movimentos do ex-capitão e seu projeto de poder: a destruição da ordem democrática.

Apresentando algumas dessas reflexões, Heloisa Starling, Miguel Lago e Newton Bignotto.

Recomendamos o uso de máscara cobrindo nariz e boca.

Para ingressar nas unidades do Sesc no estado de São Paulo é necessário apresentar comprovante de vacinação contra Covid-19 (físico ou digital) e um documento com foto:

- Maiores de 12 anos devem apresentar o comprovante contendo as duas doses ou dose única da vacina.

-Crianças de 5 a 11 anos devem apresentar comprovante evidenciando uma dose (consulte o calendário e as orientações do município onde acontecerá a atividade).

*O acesso as unidades do Sesc estão sujeitas a legislação municipal em relação a Covid-19.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, solicite pelo e-mail centrodepesquisa.cpf@sescsp.org.br, após a conclusão e efetivação do pagamento da sua inscrição, com até 48 horas de antecedência do início da atividade.

As inscrições podem ser feitas a partir das 14h do dia 28/4, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição. O cadastro é pessoal e intransferível.

O pagamento dever ser feito através do cartão de crédito, e trabalhamos com as bandeiras Visa, Mastercard, Elo e Hipercard.

** A declaração será enviada automaticamente em até 10 dias após a finalização da atividade e caso isso não ocorra, você poderá solicitar pelo e-mail: declaracao.cpf@sescsp.org.br

*** Havendo ainda disponibilidade de vagas para os cursos presenciais, as inscrições poderão ser feitas no dia do curso no Centro de Pesquisa e Formação.

Palestrantes

Heloisa Starling

Heloisa Starling

Historiadora, cientista política e professora titular-livre da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). É autora de Os senhores das Gerais (1986), Lembranças do Brasil (1999), Brasil: Uma biografia (2015), com Lilia Moritz Schwarcz, República e democracia: Impasses do Brasil contemporâneo (2017) e Ser republicano no Brasil colônia (2018), entre outros.
(Foto:
Fernando Rabelo)

Miguel Lago

Miguel Lago

Cientista político que estuda a interseção entre tecnologia, democracia e políticas de saúde. Leciona atualmente na School of International and Public Affairs da Universidade de Columbia e na École d'Affaires Publiques de Sciences Po Paris. É diretor executivo do Instituto de Estudos para Políticas de Saúde (IEPS) e, antes disso, foi cofundador do Meu Rio e diretor-presidente do Nossas, uma organização de tecnologia cívica, referência na América Latina. Publicou artigos em periódicos como The New York Times, Le Monde, El País, piauí, entre outros. Em 2019, foi nomeado uma das cem pessoas mais influentes em governo digital no mundo pela organização britânica Apolitical.
(Foto: Acervo Pessoal)

Newton Bignotto

Newton Bignotto

Professor titular aposentado de Filosofia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pesquisador do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Defendeu sua tese de doutorado sobre Maquiavel, em 1989, na École des Hautes Études en Sciences Sociales, Paris, sob a direção de Claude Lefort. É autor, entre outros, de: Golpe de Estado: História de uma ideia (2021), O Brasil à procura da democracia: Da proclamação da república ao século XXI (2020); Matrizes do republicanismo (org) (2014); As aventuras da virtude (2010), Republicanismo e realismo: Um perfil de Francesco Guicciardini (2006); Origens do republicanismo moderno (2001), Pensar a República (org.) (2000), O tirano e a cidade (1998) e Maquiavel republicano (1991).
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

30/05/2022 a 30/05/2022

Dias e Horários

Segunda, 19h às 21h.

Curso Presencial

Inscrições a partir das 14h do dia 28/4, até o dia 30/5.
Enquanto houver vagas.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

Inscreva-se agora