Atividades

O fantástico, o maravilhoso e o estranho em contos dos séculos XIX e XX

Em Debate: Universo Fantástico
Metamorfoses do real

Voltar para o início Metamorfoses do real

Cancelado

Programa

O escritor estadunidense H. P. Lovecraft, em seu livro “O horror sobrenatural na literatura”, destaca que o elemento fantástico sempre esteve presente no pensamento ocidental, como também no próprio oriente antigo, em textos como “O livro de Enoque” e “A chave de Salomão”.

Dessa forma, o fantástico abriu o caminho para sistemas e tradições que ainda hoje vigoram na literatura contemporânea

No Prólogo à “Antologia da Literatura Fantástica”, organizada por ninguém menos que Adolfo Bioy Casares, Silvina Ocampo e Jorge Luis Borges, as ficções fantásticas são consideradas como anteriores às próprias letras, pois são tão antigas quanto o medo e a surpresa que povoam o imaginário das mais remotas civilizações.


Tzvetan Todorov procurou delimitar os campos do fantástico, maravilhoso e estranho, observando que o fantástico ocorre na incerteza de um acontecimento que não pode ser simplesmente explicado pelas leis naturais. Dessa forma, há uma suspensão, pois não sabemos tratar-se de ilusão ou de um acontecimento real.

Foi a leitura de um conto de Hoffmann (“O homem de areia”) que motivou Freud a formular o conceito de “unheimlich” (estranho). Para Freud o estranho é tudo aquilo que deveria permanecer oculto , mas que acaba vindo à luz. Portanto, o fantástico aproximou a literatura e a psicanálise, revelando pulsões e diálogos que atravessam múltiplos campos de nossa existência.


As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição. O cadastro é pessoal e intransferível.

 

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Ilustração: Hieronymus Bosch)

Palestrantes

Jorge Henrique Romero

Jorge Henrique Romero

Escritor, ensaísta e professor de estudos literários da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa). É formado em Linguística e Letras, mestre e doutor em Teoria e História Literária pela Unicamp. Autor de “As formas da inspiração”, “Tempo de manga” e da antologia de contos fantásticos intitulada “Estúrdio”.
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

18/02/2020 a 18/02/2020

Dias e Horários

Terça, 19h às 21h.

As inscrições podem ser feitas a partir de 28 de janeiro, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

Grátis