Atividades

A palestra discutirá de que maneira é possível pensar Grande Otelo como um intérprete do cinema e do racismo no Brasil

Autografias
Práticas, conflitos, espaços: modalidades de etnografia urbana

Voltar para o início Práticas, conflitos, espaços: modalidades de etnografia urbana

Programa

Os organizadores da coletânea Práticas, conflitos, espaços: pesquisas em antropologia da cidade (Ed. Gramma, 2019) buscarão, nesta roda de conversa, discutir temas ligados à teoria e à pesquisa em antropologia urbana, tomando as cidades como espécies de contextos totalizantes, assinalados por linhas de força amplamente diversificadas e heterogêneas, em que o enfrentamento etnográfico constitui uma prática decisiva na reconstituição de redes de relações e conexões, dadas a princípio pelos próprios citadinos, em suas relações com equipamentos e artefatos urbanos.

Tais práticas buscam captar, do ponto de vista etnográfico, aspectos relevantes da vida urbana, com atenção especial às relações e aos conflitos que se desdobram de situações de alteridade próxima, sem definir categorias apriorísticas, voltando-se, de fato e sob diversos ângulos, para o contexto produzido gradativamente pela própria observação.

Tendo como referência a prática de uma etnologia citadina, cujo ponto de partida ocorre no plano da microescala cotidiana, à busca de redes de relações ampliadas, a roda de conversa pretende discutir as especificidades da etnografia urbana nas formas de produção de conhecimento sobre a cidade, bem como aprofundar temas clássicos da antropologia urbana, como territorialidades, sociabilidade, mobilidades e segregação urbana.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Foto: Divulgação)

Palestrantes

Heitor Frúgoli Jr.

Heitor Frúgoli Jr.

Professor associado do Departamento de Antropologia da Universidade de São Paulo e coordenador do Grupo de Estudos de Antropologia da Cidade (GEAC/USP).
(Foto: Acervo Pessoal)

Enrico Spaggiari

Enrico Spaggiari

Doutor e mestre em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo (USP). É pesquisador do Grupo de Estudos de Antropologia da Cidade (GEAC) e editor do site Ludopédio.
(Foto: Acervo Pessoal)

Guilhermo Aderaldo

Guilhermo Aderaldo

Doutor em Antropologia Social (USP). É membro do Grupo de Estudos de Antropologia da Cidade (GEAC) e concluiu estágio de pós-doutorado na USP e na Universidad de Buenos Aires (UBA).
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

19/06/2019 a 19/06/2019

Dias e Horários

Quarta, 14h30 às 17h30.

As inscrições podem ser feitas a partir de 28 de Maio, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores