Atividades

Contextos da criptografia, da segurança na internet e outras redes em nossos dias

Contextos
Re-criptografando o presente

Voltar para o início Re-criptografando o presente

Programa

Ciclo de debates sobre segurança nos meios de comunicação digitais e nos sistemas de armazenamentos de dados sem consentimento que formam os sistemas de vigilância de massa e de controle através dos meios de comunicação digitais.

Nele, se busca traçar um campo para problematização da proteção dos dados e dos sujeitos que são criadores ou representados por conteúdos analógicos e analógicos para discutir sobre a importância da cidadania digital no tempo presente.

Mesa 1: Segurança digital - lidando com o invisível
Quais são os conhecimentos e técnicas adicionais que precisamos adquirir para aumentar nossa segurança digital? Quais são as boas práticas básicas na área da criptografia? Nossa bagagem instintiva está muito preparada para ameaças que nossos sentidos podem captar, mas quando lidamos com a comunicação mediada típica, por exemplo, dos meios digitais, somente nossa percepção sensorial não é suficiente para encontrar ameaças à nossa segurança. Essa mesa de debate se desdobra nos desafios e perspectivas da segurança digital para a sociedade de hoje.
Debatedores: Carla Jancz e Rhatto.
Mediação: Elisa Ximenes.

Mesa 2: Por que Criptografia é importante?
De tempos em tempos, surgem propostas para enfraquecer a privacidade na comunicação e nos conteúdos analógicos e digitais para supostamente evitar ou combater crimes. No entanto, por detrás dos discursos de criminalização da segurança da informação existe uma tentativa de aumentar a vigilância sobre as pessoas. Problematizar os entraves e as potencialidades que encontramos na sociedade contemporânea no tema da criptografia. Como é construído este discurso de governança e vigilância? Por que ele traz perigos para todos os setores da sociedade? Quais são as ferramentas mais importantes hoje para a comunicação segura? Serão algumas das perguntas que fomentarão este debate.
Debatedores: Gus e Amarela.
Mediação: Elisa Ximenes.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Arte: Markus Spiske)

Palestrantes

Elisa Ximenes

Elisa Ximenes

Participa da organização da CryptoRave e colabora no Centro de Mídia Independente no Brasil. Trabalhou em Pontos de Cultura. Graduada em Ciências Sociais pela PUC-SP.
(Foto: Acervo Pessoal)

Carla Jancz

Carla Jancz

Integrante do Actantes, coletivo que organiza ações diretas pela comunicação livre nas redes digitais e da MariaLab, uma coletiva hacker feminista. Graduada em Segurança da informação, trabalha com segurança digital e com treinamento em tecnologias livres, redes autônomas e cultura hacker

Gus

Gus

Pesquisador e educador nas áreas de criptografia e Cultura Digital. É colaborador no Projeto Tor, um sistema baseado em software livre para proteção da privacidade on-line.

Rhatto

Rhatto

Pesquisador e educador nas áreas de ciências, criptografia e internet.

Data

17/04/2019 a 17/04/2019

Dias e Horários

Quarta, 10h30 às 16h30.

As inscrições podem ser feitas a partir de 26 de Março, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 4,50 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 7,50 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 15,00 - inteira

Inscreva-se agora