Atividades

Mutações: Ainda sob a tempestade

Contextos
Termodinâmica da História

Voltar para o início Termodinâmica da História

Programa

Um novo ciclo de conferências da série Mutações começa no dia 1 de outubro em São Paulo no Sesc Avenida Paulista e no dia 7 de outubro, no Rio de Janeiro, no ArteSesc, na rua Marquês de  Abrantes no Flamengo.

Ainda sob a tempestade é o título do ciclo que busca analisar as formas do neoliberalismo autoritário que surge em várias partes do mundo.

Participam do ciclo filósofos do Brasil e da França, entre eles Marilena Chauí, Grégoire Chamayou, Vladimir Safatle, Éric Fassin, Franklin Leopoldo e Silva, Renato Lessa, Renato Janine Ribeiro, Newto Bignotto e outros.

O ciclo é uma realização do Sesc e de Artepensamento, com a curadoria e concepção de Adauto Novaes.

Tem o apoio da Embaixada da França e é reconhecido como curso de Extensão universitária pela UFRJ.

A conferência de abertura – Totalitarismo sem mito – será feita pela prof. Marilena Chaui, no Sesc Avenida Paulista.

Muitos pensadores buscam definir o que acontece com a política hoje: as tentativas de explicação nem sempre abarcam todo o problema: Populismo? Conceito politicamente confuso que acaba por tornar as classes populares as únicas responsáveis, como escreveu o cientista político Ugo Palheta em seu último livro, La possibilite du fascisme; Neoliberalismo? Certamente em parte, mas ainda assim não é coisa nova: lemos no livro La Récidive 1938, de Michel Foessel que o conceito de neoliberalismo entra no vocabulário político em 1938, quando economistas e filósofos reuniram-se em torno de Walter Lippmann com o objetivo de “renovar o liberalismo econômico posto à prova com a crise de 29”.

É certo que um dos fatores fundamentais para entender o neofascismo hoje está no grande avanço da tecnociências – uma das componentes essenciais das mutações na política.

Mas as novas tecnologias da informação nem são muito originais no grande alcance de público: pensemos, como nos lembra ainda Foessel, na idade de ouro da informação: apenas na França, em 38, jornais diários tinham uma tiragem de 2 milhões de exemplares e os semanários da extrema direita – leia-se fascistas – chegavam a mais de 1 milhão e 200 mil exemplares.

Muitos temas serão tratados no ciclo. Além do grande avanço da tecnociência, que homogeiniza tudo – valores, gosto, ausência de pensamento etc. – os conferencistas vão discutir a idéia de neofascismo não como regime, mas como movimento, “menos uma rejeição unilateral da modernidade e mais uma reação violenta a uma dimensão da modernidade: aquela que se caracteriza pelas promessas de liberdade, igualdade e emancipação das Luzes”.

Termodinâmica da História
Com: Luiz Alberto Oliveira.
Mediação: Rogério da Costa.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição. O cadastro é pessoal e intransferível.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Arte: Divulgação)

Palestrantes

Rogério da Costa

Rogério da Costa

Filósofo, atual coordenador do Programa de Pós Graduação em Comunicação e Semiótica da PUCSP, diretor do LInC - Laboratório de Inteligência Coletiva. Possui publicações nas áreas de redes sociais e biopolítica.
(Foto: Acervo Pessoal)

Luiz Alberto Oliveira

Luiz Alberto Oliveira

Físico, doutor em cosmologia, pesquisador do Laboratório de Cosmologia Física Experimental de Altas Energias e professor de história e filosofia da ciência do Centro de Pesquisas Físicas — CBPF/CNPq.

Data

10/10/2019 a 10/10/2019

Dias e Horários

Quinta, 19h30 às 21h30.

As inscrições podem ser feitas a partir de 26 de setembro, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 6,00 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 10,00 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 20,00 - inteira

Inscreva-se agora