Atividades

As expressões visuais, materiais e simbólicas da arte no universo indígena.

Contextos
Artes ameríndias: tradição e transformação

Voltar para o início Artes ameríndias: tradição e transformação

Programa

O curso pretende oferecer uma introdução geral ao estudo das artes de povos ameríndios, em especial dos habitantes da bacia amazônica e outras regiões das terras baixas da América do Sul.

Em um primeiro momento, será realizada uma breve exposição de aspectos centrais das sociedades indígenas tais como a noção de pessoa, os sistemas cosmológicos, as dinâmicas rituais e a diversidade linguística.

Em seguida, o curso passa a tratar principalmente de expressões visuais e materiais, tais como as relacionadas às pinturas e ornamentos corporais, à produção de artefatos e a arte funerária. Pretende-se, por fim, realizar uma breve exposição sobre a relação entre artistas indígenas e instituições contemporâneas de arte.

Programa do curso:

14/11 - Introdução ao estudo das sociedades ameríndias das terras baixas da América do Sul: distribuição geográfica e diversidade linguística; noções de pessoa, sistemas cosmológicos e ciclos rituais.

21/11 - A construção do corpo: parentesco e estética; ornamentação corporal e padrões gráficos.

28/11 - A produção de artefatos: relações entre pessoas e coisas; impermanência material e arte funerária.

05/12 - Artistas indígenas, museus e exposições: relações de autoria e reflexões sobre a noção de arte. Análise de caso: a produção de desenhos figurativos por artistas indígenas.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Condições especiais de atendimento, como tradução em libras, devem ser informadas por email ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade.
centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Foto: SeCom - Agencia de Noticias do Acre)

Palestrantes

Pedro de Niemeyer Cesarino

Pedro de Niemeyer Cesarino

Doutor em antropologia social pelo Museu Nacional-UFRJ e professor do departamento de Antropologia da FFLCH-USP.
(Foto: Acervo Pessoal)

Bibliografia

Barcelos Neto, Aristóteles. Apapaatai: rituais de máscara no Xingu. São Paulo, Edusp, 2008. 

Da Matta, Roberto & Seeger, Anthony & Viveiros de Castro, Eduardo. "A construção da pessoa nas sociedades indígenas brasileiras". Boletim do Museu Nacional 32: 2-19, 1979.

Gow, Peter. "A geometria do corpo". In A. Novaes (Org.). A outra margem do  Ocidente. São Paulo, Companhia das Letras, 1999, pp. 299-317.

Lagrou, Els. Arte indígena no Brasil. Belo Horizonte, Editora C/Arte, 2009.


Data

14/11/2017 a 05/12/2017

Dias e Horários

Terça, 19h às 21h30

As inscrições podem ser feitas a partir de 26 de outubro às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 15,00 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 25,00 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 50,00 - inteira