Atividades

Curso desvela a relação entre Machado de Assis e o abolicionismo

Contextos
Machado de Assis e a Abolição da Escravatura no Brasil

Voltar para o início Machado de Assis e a Abolição da Escravatura no Brasil

Programa

Em seu tempo e depois, Machado de Assis foi muitas vezes acusado de não ter interesse pela Abolição. Neste curso, veremos que o escritor, ao contrário do que diziam os seus inimigos, não apenas estava atento à extinção do escravismo no Brasil, como procurava formular em sua obra literária uma posição lúcida sobre esse processo histórico. Na contramão do discurso oficial e da retórica abolicionista, Machado indicava, no calor da hora, que a Abolição não libertara efetivamente os negros, de modo que estes permaneciam, após o 13 de Maio, sob formas diversas, em condição de infra-cidadania.

A proposta do curso é destacar a força crítica e a atualidade da reflexão machadiana sobre a abolição da escravatura no Brasil e a posição dos negros na sociedade brasileira.

Programa:
1. O "traidor da própria raça": os inimigos de Machado de Assis
2. O significado histórico do 13 de Maio
3. A abolição da escravatura nas crônicas de Machado de Assis
4. A abolição da escravatura no romance de Machado de Assis

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Se você necessita de recursos de acessibilidade, como tradução em Libras, audiodescrição, entre outros, solicite por e-mail ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade. centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Foto: Divulgação)

Palestrantes

Pedro Coelho Fragelli

Pedro Coelho Fragelli

Doutor em Literatura Brasileira pela USP. Ministrou cursos de extensão no Instituto de Estudos Brasileiros (IEB-USP), onde atualmente desenvolve pesquisa de pós-doutorado.
É autor do livro "As formas da traição: Machado de Assis, o Memorial de Aires e a abolição da escravatura no Brasil" (Alameda Editorial, 2016).
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

13/09/2018 a 04/10/2018

Dias e Horários

Quintas, 19h às 21h.

As inscrições podem ser feitas a partir de 28 de Agosto, às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 15,00 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 25,00 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 50,00 - inteira