Atividades

Análise literária de elementos mágicos e sobrenaturais na obra-prima da literatura árabe

Pesquisa em Foco
Mito e magia nas Mil e uma noites

Voltar para o início Mito e magia nas Mil e uma noites

Programa

Traduzidas do persa e reelaboradas no mundo árabe entre os séculos VIII e XV, as Mil e uma noites refletem crenças e mitos da sociedade árabo-islâmica do Egito, da Síria, do Iraque e da antiga Pérsia. Em seu núcleo fundador, gênios e feiticeiras, palavras e objetos mágicos são alguns dos elementos que expressam o universo sociocultural e a cosmovisão dessa sociedade.

O périplo das Mil e uma noites não se encerra, entretanto, nos domínios áraboislâmicos da Ásia e da África. No início do século XVIII, a obra chega à Europa e é traduzida pela primeira vez pelo francês Antoine Galland. Em sua tradução, Galland insere, entre outras, "Aladim ou a lâmpada maravilhosa" e "Ali Babá e os quarenta ladrões", histórias que jamais fizeram parte das Mil e uma noites árabes, mas que, no fio do tempo, se tornaram representativas da obra.

Assim como no núcleo fundador das Mil e uma noites, as histórias inseridas por Galland também são engendradas por gênios e feiticeiras, palavras e objetos mágicos.

Diante disso, algumas questões se impõem: os elementos mágicos e sobrenaturais que engendram esses dois conjuntos de histórias expressam cosmovisões diferentes ou semelhantes? Em termos estruturais, eles desempenham as mesmas funções nessas narrativas de origens distintas? Tais questões integram a proposta de reflexão da palestra, que abordará o mágico e o sobrenatural, o mito e a magia nas Mil e uma noites, observando suas funções nas narrativas e, sobretudo, os diálogos que mantêm com os diferentes contextos socioculturais do longo período de elaboração da obra.

As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.

Condições especiais de atendimento, como tradução em libras, devem ser informadas por email ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade.
centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600

(Ilustração: Vasnetsov Samolet - Wikimedia Commons)

Palestrantes

Christiane Damien

Christiane Damien

Doutora em Letras pela USP com estágio de pesquisa no INALCO/Paris e pesquisadora do Grupo de Tradução e Pesquisa de Filosofia Árabe e História do Pensamento USP/CNPq. É autora de "Na senda das Noites" e coautora da obra didática "Português contemporâneo: diálogos, reflexão e uso.
(Foto: Acervo Pessoal)

Data

22/02/2018 a 22/02/2018

Dias e Horários

Quinta, 19h30 às 21h30

As inscrições podem ser feitas a partir de 23 de janeiro às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

R$ 4,50 - credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes
R$ 7,50 - pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante
R$ 15,00 - inteira

Inscreva-se agora