Atividades

Debate seguido de apresentação de grupo de cultura popular de Acupe-BA.

Nego Fugido - Um auto sobre escravidão e liberdade

Voltar para o início Nego Fugido - Um auto sobre escravidão e liberdade

Programa

Nego Fugido é uma expressão popular de cultura realizada pelos pescadores da comunidade quilombola de Acupe - da cidade de Santo Amaro da Purificação-BA -, que há mais de um século narra a saga dos negros escravizados que, em batalha, subjugam o rei de Portugal e exigem do monarca  a carta de alforria. Uma encenação de reparação história que coloca os negros como protagonistas da conquista da abolição da escravatura.  


As aparições acontecem no mês de julho em meio a um coletivo de expressões culturais de temáticas quilombolas como Samba de Roda, rodas de Capoeira e aparições de Caretas, Mandus e Bombachos. As aparições de Acupe são elementos simbólicos fundamentais na identificação do Recôncavo Baiano como local que possui um passado marcado pelo processo de escravidão de populações africanas, consolidadas como um dos principais eventos de identidade de matriz afro-brasileira da Bahia, com potencial de dinamizar os saberes das comunidades tradicionais e promover discussões pertinentes à sociedade brasileira.


Nesse sentido, a comunidade de Acupe tem realizado uma série de atividades socioeducativas por meio da rede solidária DEVOLVER, a fim de valorizar e fortalecer as práticas culturais locais, incentivando o protagonismo dos mestres e das comunidades tradicionais  na luta e na promoção de políticas públicas de salvaguarda das expressões populares da cultura do Recôncavo. A atividade será iniciada com um debate protagonizado por Monilson dos Santos Pinto e Salloma Salomão que discutirão com o público aspectos que compõem o auto. Na sequência, todos os participantes serão convidados a assistir a apresentação que se dará na rua Lourenço Granato (próximo ao CPF SESC).


As inscrições pela internet podem ser realizadas até um dia antes do início da atividade. Após esse período, caso ainda haja vagas, é possível se inscrever pessoalmente em todas as unidades. Após o início da atividade não é possível realizar inscrição.
Condições especiais de atendimento, como tradução em libras, devem ser informadas por email ou telefone, com até 48 horas de antecedência do início da atividade.
centrodepesquisaeformacao@sescsp.org.br / 11 3254-5600
(Foto: Zeza Barral)

Palestrantes

Salloma Salomão Jovino da Silva

Salloma Salomão Jovino da Silva

Possui graduação, mestrado e doutorado em História pela PUC-SP. Professor no Centro Universitário Fundação Santo André. Consultor da Secretaria de Educação do Município de São Paulo. 
(Foto: Acervo Pessoal)

Monilson dos Santos Pinto

Monilson dos Santos Pinto

Doutorando em Artes Cênicas da ECA-USP. Mestre em Artes Cênicas pela UNESP. Ator/dançarino (brincador) e coordenador das atividades de arte-educação da Associação Cultural Nego Fugido - BA.
(Créditos: Acervo Pessoal)

Data

12/05/2018 a 12/05/2018

Dias e Horários

Sábado, 14h às 18h.

As inscrições podem ser feitas a partir de 24 de abril às 14h, aqui no site do Centro de Pesquisa e Formação ou nas Unidades do Sesc em São Paulo.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 - 4º andar
Bela Vista - São Paulo.

Valores

Grátis

Inscreva-se agora